PRODATER inicia treinamento de novos gestores

A Empresa Teresinense de Processamento de Dados (PRODATER) iniciou o treinamento dos novos gestores da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT) nesta terça-feira (12). O objetivo é apresentar o Sistema de Processo Eletrônico, responsável pelo trâmite dos processos administrativos no âmbito da PMT.

O Sistema de Processo Eletrônico é um software de domínio público que permite a realização de todos os trâmites processuais administrativos dentro do ambiente virtual, gerando ganho de produtividade, celeridade e transparência.

“O uso da ferramenta além de melhorar a produtividade, contribui com a economia de recursos para a administração pública municipal, uma vez que no sistema de processo eletrônico não se faz necessário os gastos com impressão de processos em papel e transporte físico dos mesmos em veículos de posse do poder público municipal”, destacou Jobson Filho, presidente da Prodater.

O treinamento inicial foi ministrado pelos servidores da PRODATER, a analista de negócios, Laizys Val e o analista de sistemas, Túlio Lustosa. Os encontros ocorrerão virtualmente, via videoconferência com as demais secretarias da prefeitura, durante cinco semanas com turmas as terças e quintas-feiras.

Os analistas avaliaram que “os novos gestores se mostraram bem receptivos e otimistas com a ferramenta”.

O presidente da Prodater, enfatiza ainda a importância do treinamento para os novos gestores. “Os treinamentos são importantes para ambientação dos novos gestores com os sistemas da Prefeitura, para que possam ter autonomia e realizar os trâmites processuais administrativos”, pontuou Jobson Filho.

Prodater e Fundação Wall Ferraz discutem modernização do Balcão do Trabalhador

O presidente da Prodater, Jobson Filho, se reuniu com o presidente da Fundação Wall Ferraz Maykon Silva, na manhã desta segunda-feira (11) para tratar sobre a modernização do banco de dados do Balcão do Trabalhador.

No encontro, estavam presentes o diretor técnico da Prodater, Lima Júnior, além da assessoria jurídica da Fundação Wall Ferraz e o representante do Instituto de Jovens Empreendedores Digitais de Teresina (Interaje).

O Balcão do Trabalhador é um serviço da Fundação Wall Ferraz que organiza os perfis profissionais dos alunos que participaram dos cursos de capacitação ofertados pela fundação de fundamental importância para gerar oportunidades.

É importante destacar que com essa modernização o cadastro ficará disponível para qualquer cidadão interessado e que essa é uma prioridade para a prefeitura de Teresina, uma área que merece toda atenção. O prefeito Dr. Pessoa declarou muitas vezes que pretende trabalhar para geração de emprego e renda na capital.

“Essa ferramenta vai facilitar o cadastramento de profissionais, para que as empresas tenham acesso direto a esses currículos, otimizando o processo de seleção. O objetivo é modernizar o banco de dados, facilitar o cadastramento e estabelecer uma relação mais direta entre profissionais buscando oportunidade, alunos formados pela Fundação Wall Ferraz e empresas que absorvem essa mão de obra”, explicou Maykon Silva, presidente da Fundação Wall Ferraz.

A Prodater vai atuar no acompanhamento da implantação dessa ferramenta “Estamos focados em contribuir para fazer do Balcão do Trabalhador um elo seguro, confiável, descomplicado e muito eficiente entre as empresas e os profissionais, atendendo ao propósito de ajudar a criar empregos, renda e oportunidades”, disse Jobson Filho, presidente da Prodater.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Os dados do boletim epidemiológico sobre a Covid 19 de Teresina não foram veiculados nos últimos dias por conta de um problema técnico devido a transição, mas a Prefeitura de Teresina, através da Fundação Municipal de Saúde, em parceria com a Empresa Teresinense de Processamento de Dados – Prodater, efetuou as atualizações necessárias para o reestabelecimento do serviço, que será atualizado diariamente, de segunda a sexta, já os casos dos finais de semana serão divulgados no boletim da segunda-feira.

“É importante a divulgação dos números do coronavírus para transparência e para informar a todos, assim, a população pode compreender como a capital está enfrentando esta ameaça, que requer toda nossa atenção e compromisso. O problema foi resolvido e a divulgação transcorrerá com normalidade diariamente.”, declara Jobson Filho, presidente do Prodater.

Pelo boletim divulgado nesta segunda-feira, 11 de janeiro ( referente a 10 de janeiro), temos um total de 52.136 casos confirmados em Teresina, 247 novos casos e 1.237 óbitos de pessoas residentes na capital. Em relação ao número de pacientes recuperados da Covid-19, somam 25.840.

Treinamento oficial do SEI

O treinamento oficial do SEI é realizado pela ENAP Virtual. O nome do curso é SISTEMA ELETRÔNICO DE INFORMAÇÕES – SEI! USAR e possui carga horária de 20 horas, com emissão do certificado pela Escola Nacional de Administração Pública (ENAP).

A Escola Virtual de Governo (EVG) disponibiliza aos servidores públicos o curso online sobre o Sistema Eletrônico de Informações (SEI), com certificação pela ENAP.

Para saber mais, entre em https://www.escolavirtual.gov.br/curso/74.

Como realizar reuniões virtuais com o Google Meet

Serviço do Google para videoconferências está liberado de forma gratuita para seus usuários. Confira como usá-lo!

Com o surto do coronavírus atingindo diversas partes do mundo, diversos serviços de videoconferência têm visto o seu número de usuários crescer. Assim, por exemplo, até mesmo aplicativos como o WhatsApp que tem como foco a troca de mensagens melhoraram a sua parte de chamadas de vídeo.

Por sua vez, o Google tem trabalhado para substituir o Hangouts com o serviço Meet, que possui um foco mais corporativo, te deixa criar reuniões rapidamente e pode ser utilizado de forma gratuita com certas limitações.

Pensando nisso, a equipe de Analistas da PRODATER criou um manual para ajudar os servidores da PMT na utilização do Google Meet . A seguir, veja como criar reuniões com o Google Meet.

Acesse aqui as orientações!

Importante

O acesso gratuito para o Google Meet está sendo liberado de forma gradual e pode não estar disponível para todos. Assim, caso a opção gratuita não apareça para você, será necessário aguardar que o Google a libere para sua conta.

As reuniões gratuitas do Google Meet podem ter no máximo 100 participantes e durar até uma hora. Caso este tempo seja excedido, será necessário criar uma nova reunião para continuar a usar o serviço.